27 de out de 2009

Apresentação + "Irrecuperável".

Bom dia, boa torde, boa noite.
Bem vindos ao meu novo blog :S


Se chama "Como Cada Dia" por algumas razões:


1: Não encontrei nome melhor disponível;
2: É o nome de um e-book que eu tô escrevendo *-*;
3: É o nome de uma música que eu amo;

Bom, eu vou postar agora um texto que escrevi na casa de uma amiga, Ana Paula, enquanto ela foi na padaria -q
HUASHUASHUASHUASHUAS'
Hm, espero que gostem '-'







~ Vou matando cada detalhe de você dentro de mim. Qualquer coisa além do útil. Qualquer coisa além do necessário pra te ver de novo, te reconhecer e atravessar a rua. Vou te matando aqui, desejando que você sinta toda essa dor, desejando que eu te mate de verdade. Um desejo nobre talvez. Algo que me fará rir no final, já que você já me matou uma, duas, inúmeras vezes. E eu não ligo. Morte pelas suas mãos é como cócegas pra mim. Sua morte pelas minhas mãos vai ser tortura, agonia, enfim. Vou mutilando seu rosto, esquartejando sua voz, cortando você pedacinho por pedacinho até que você esteja irrecuperável. Queimar o seu sorriso e ouvir o som dos seus gritos, como um doce querubim soprando ao meu ouvido. Viva para as outras pessoas. Eu realmente não me importo. Mas morra, suma para mim.